segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Mantra

Tente só dessa vez não se sentir decepcionada
Por que isso lhe causa tristeza
E você se machuca por dentro
Seu coração não aguenta

Aceite os fatos e tente ser feliz
Aceite que às vezes o pensamento não atrai
Aquela pessoa que você quer ao seu lado
Aceite que você não pode tudo
Tente não esperar demais
Tente sorrir quando tiver vontade de chorar
Mentalize esse mantra
Quem sabe um dia você não fica bem?
Quem sabe um dia você não desiste?

domingo, 6 de novembro de 2011

Minha paz

Estou caindo
Por favor, não me perca
Tudo desaba aqui dentro
E sinto que nada posso segurar
Nada posso salvar
Tento firmar meus pés,
Mas o chão se move
Fazendo-me tropeçar a cada
Tentativa de caminhada

O meu céu esta cinza
Sinto que não há mais salvação
Raios tentam me acertar pelas beiradas
Um verdadeiro caos

Pegue a minha mão, e faça-me voar
Pra longe, bem longe disso tudo
Deixe que eu me banhe nas águas tranquilas
Do seu carinho
Distante de toda confusão que me cerca
Traga-me a paz já tão esquecida

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Assim é o amor...

Sinto-me só
E ninguém consegue entender o meu silêncio
Meu apego a você me machuca
E tem me deixado cada vez mais sozinha

Deito na minha cama fria e sinto desejos
Anseios profundos de alguém que sente falta de um carinho
Fecho os meus olhos e tento não chorar
Tento esquecer
Esperando ansiosa por um novo dia
Um dia em que talvez você venha me ver
Talvez, é a palavra que mais me doe
Esperar por um acaso qualquer
Por um tempo sobrando
Por um momento seu, comigo

Tenho me lembrado de forma dolorosa
Como é o amor
E o porquê de eu ter fugido dele por tanto tempo
Ele é cruel
É doce e amargo
Ele é paciência, é cansaço
Ele é lágrimas
É um suspirar choroso de uma mulher apaixonada.

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

O homem

Ele anda, anda e não chega a lugar algum
Ele pensa, reflete e discute mas não toma nenhuma decisão.
Aonde realmente ele quer chega?
O medo o impede se mover, de resolver os seus dilemas

Ele não quer resolvê-los agora, será que é mesmo necessário?
Ele cansou de sofrer, cansou de lutar contra o inevitável

A perfeição não existe, por fim ele se convenceu disso.

O vento leva pra longe suas preocupações
E a cabeça que antes não se erguia com o peso dos problemas
Hoje encontrou a luz do sol
O dia esta lindo, nuvens brancas no céu,
Tempo de viver!

E se hoje fosse o último dia?

Se hoje fosse o ultimo dia
Eu não deixaria a desejar
Afinal eu amei e fui feliz
Ao lado do homem que me escolheu para amar

Se hoje fosse o ultimo dia
Eu não fulgiria, esperei muito da vida
E a maioria das coisas ela não me deixou faltar

Se hoje fosse o ultimo dia
Eu choraria, mas um choro de liberdade
Para deixar aqui toda tristeza que tive
E os desaforos que não disse
Partir dessa vida com a alma lavada

Se hoje fosse o ultimo dia
Eu partiria com um sorriso
Um sorriso de agradecimento pelos amigos que fiz
Pela família que ganhei,
Pelos tropeços que me fizeram amadurecer
E com meu sorriso deixaria claro que de nada me arrependi,
Tudo que fiz foi apenas cumprindo o motivo pelo qual nasci,
Eu vivi!!

Você me trouxe a felicidade

Quando meu rosto encontra seu peito
Nada a minha volta tem importância
Como explicar o que você faz comigo?

Nos seus braços eu sou tudo que desejo ser
Apenas uma mulher amada
Apenas uma mulher
A sua

E é tão fácil te amar
Me pergunto porque demorei tanto a me entregar
Porque meu amor, você me faz tão feliz

Escrevo esses versos no momento mais importante da minha vida

Momento pelo qual eu sonhei, idealizei e esperei

Esperei, pois eu queria guardar essas lembranças pra sempre
Esperei porque eu queria sorrir ao lembrar
Com quem compartilhei esse momento único
E valeu a pena
Você faz tudo valer a pena

Eu te amo por você me trazer a felicidade
Eu te amo por você me ensinar a viver.

(TE AMO HÉLIO FERREIRA)

Aprendendo a caminhar

Sinto-me triste
Quando não consigo agradar
A quem amo

É difícil manter otimista
As expectativas de todos ao meu respeito
E a sensação de que falhei mais uma vez é inevitável

Sempre tento fazer a vontade dos outros
Mas jamais me satisfaço
Quando nego a eles
Sinto que amadureço, mas a que preço?
GRITAR é tudo que mais quero,
Mas fiquei tanto tempo calada
Que hoje estou quase sem voz

Dizem o que devo fazer e seguram a minha mão
Como uma criança que precisa de um adulto
Para atravessar a rua
Minha opinião não vale muito no mundo onde vivo

Não tenho a pretensão de ser rebelde
Quero apenas viver a minha própria vida em paz
Pelo menos uma vez, sem culpa!

Pra sempre meu

Nasci pro seu amor
E vivo intensamente esse amor
Se você sai meu corpo sente
Se te afastas minha alma sofre

Impossível firmar-me no chão sem o teu apoio
Difícil respirar quando você não esta no meu habitat

Quando você esta por perto a cada é cheia
O ar é puro, o meu mundo tem mais alegria
Segure em minha mão, me deixe segura
Durma ao meu lado
E diga-me que esse amor será pra sempre
Que você será pra sempre meu e eu completamente sua
Fiel, entregue
E devota a você
Meu grande amor,
Meu filho

(Dedicado a minha sogrinha)

Tempestade

Sinto frio e solidão
Sinto saudade
Tento digerir essa comida sem sabor
E de aparência duvidosa que colocaram no meu prato

Diante de mim um nada
Um copo d’água meio vazio
E uma taça de vinho a transbordar
Me pergunto quanto tempo ainda vou aguentar
Minha janela esta aberta e o vento não dá trégua

A tempestade é anunciada, sei que quase nada ficará no lugar
Quero me esconder sob as cobertas,
Esquecer de tudo que desaba do lado de fora da casa
A despeito da chuva eu tenho um abrigo
Só falta você aqui comigo.

Na corda bamba

Foi como cair algo em minha cabeça
Alguma coisa bem pesada, pois machucou até quase sangrar
Eu estava te perdendo
Estava perdendo meu único amor
Foi doloroso encarar a realidade
Chorar era inevitável e eu não lutei

Quantas vezes ainda esse amor será colocado à prova??
Quando essa sensação de que estou sendo chacoalhada
O tempo inteiro vai passar??
Quando vou me sentir realmente segura??

Vivo na corda bamba desse amor
Torcendo pra que o nosso final seja feliz
Ou que não acabe num verdadeiro desastre.

Derretendo o gelo

Por seu amor ignorei opiniões
Por seu amor eu amei
E eu que jamais imaginei
Que isso pudesse acontecer

Você acabou com inverno que havia em meu coração
Ensinou-me a amar ao invés de pensar
Mostrou-me que era possível se entregar
Sem ter medo de errar

Jamais amarei como te amo
Jamais sentirei essa alegria
Que tenho ao seu lado
O sol com você é mais quente
E a lua vista com você é mais bonita

Nas nossas diferenças nos completamos
E assim sigo te amando
Cada vez mais!!!

O amor dele

Amas com o amor de um louco
Observas de longe enquanto tua amada sorri
E diz-se apaixonada por outro
Chora com a ausência do seu abraço
E sonha todos os dias com seus beijos

Amas com intensidade e paciência
Amas sem limites, sem medidas

Quer o cheiro, quer o gosto, quer o carinho

Seus olhos brilham ao vê-la passar
E o coração dispara a espera de um “olá”
Vindo daqueles lábios que fica tanto a admirar

Esperar! Não há mais nada a fazer.
E esperastes, esperastes sem perder a esperança
Sem perder o entusiasmo
Ate ter ao seu lado o amor tão esperado.

Minha querida solidão

Eu me entendo com minha solidão
Sempre temos papos interessantes
Somos reflexivas, somos irmãs
Ela me entende e eu a suporto

Nos acostumamos a andar juntas
O que eu não entendo ela me ensina

Ao lado dela nem sempre tenho bons momentos, é verdade.
Mas como toda boa amiga ela me compreende

Confidente fiel sempre me orienta quando preciso
Se tenho ódio ou tenho amor ela me dá ótimos conselhos
O que seria de mim sem ti, querida?
Minha solidão e eu
Eu e minha solidão
Sempre juntas em qualquer situação.

Meu Porto Seguro

Meu mundo é perfeito quando estou em seus braços
Você mantem minha mente ocupada,sim
Eu só penso em você meu bem a todo instante.

Minha alma é livre quando leio pra ti meus versos
E meu coração transborda de alegria
Quando vejo em seus olhos admiração

Meu porto é seguro quando me toma pela mão,
Pois sei que jamais me deixará sozinha
Com amor me leva sem pressa
Até onde a felicidade caminha

No ponto

Estou no ponto sozinha
Estou pensando em você
Vejo rostos ansiosos, preocupados com o atraso,
Com o tempo que parece mudar de repente
E eu só consigo lembrar do seu sorriso

Ônibus para vários lugares passam por mim
Eu não entro em nenhum
Não preciso de condução para ir aonde eu quero chegar

Vejo todas as pessoas partindo rumo aos seus destinos
E eu continuo parada aqui a sua espera...

terça-feira, 12 de julho de 2011

A Tarde

A tarde quente nos envolve num doce sono
E lá não há pudores nem medos
Apenas o desejo de nos termos mais uma vez

Sua boca encontra a minha de forma suave
Suas mãos me dão tanto carinho
Que penso não poder resistir aos seus encantos

A noite cai lá fora e o nosso sonho continua
Seguimos cantando uma canção
A canção de todos os amantes
Cantamos juntos em perfeita harmonia
Não erramos nenhuma estrofe

Você me chama pra bailar contigo
Uma valsa envolvente
Você me conduz
E eu não me oponho, ou não
Como você dança bem meu amor

Acordamos do nosso sonho e nos abraçamos
Ouço sua voz em meu ouvido dizendo “te amo”
E o meu coração se irradia de felicidade
E Cada vez mais adoro nossas tardes.

sexta-feira, 17 de junho de 2011

Sol e Lua

Enquanto brincávamos juntos eu iluminava você
E você com todo seu mistério me encantava
Por alguns minutos todos os dias nos amávamos
Eu via você imponente no fim de tarde
E meus olhos brilhavam até avermelhar-se e eu sumir

Dormia sono tranqüilo até o amanhecer, iluminava
A todos com minha felicidade e torcia pra te encontrar
No final de mais um dia

E lá vinha você meu amor pra me fazer sorrir
E por alguns momentos eu te sentia bem pertinho de mim
Sentia o seu toque, seu olhar carinhoso
Sentia seu beijo
Enquanto eu me ia mais uma vez para sonhar com você

Até quando permaneceríamos assim, eu chegando e você saindo
Você chegando e eu partindo?
Quero ficar contigo por toda a vida
Ser amada por você sem ter hora de partida
Mas demorou pra eu entender que somos Sol e Lua
Somos luz e escuridão e esses jamais ficam juntos
O que vamos fazer?
Continuarei te esperando ao fim de cada entardecer...

quarta-feira, 15 de junho de 2011

Gélidas lembranças

Uma lágrima desce gelada em minha pálida face
Tão gelada quanto à terra árida do meu coração,
Que chora por não te ter aqui

O sol brilhava tanto quando eu estava ao seu lado
O meu ser era quente, as árvores eram frondosas
O leite e o mel escorriam mansos dos meus lábios
E o ar de felicidade era inebriante

Mas o vento tira-me da minha rota
Empurram-me para longe dos pensamentos felizes
Neva na escuridão dos meus anseios
Só me restou a lembrança
O adeus doído dos seus olhos tristes

Agora chove na imensidão do meu céu
Carregado de nuvens cinza, pesadas de grossas gotas de dor
Fico deitada na cama lembrando como foi belo o nosso amor.

sexta-feira, 27 de maio de 2011

Meu rancor



Me considere é o que te peço
Não ache que me conhece
Nem que sabe dos meus pensamentos
Você não sabe, você nem quer saber.

Não me importam os seus conceitos
Meu coração grita aquilo que minha boca
não consegue dizer.
Saltam em letras os meus desaforos a você.

Pra você eu sempre serei a "boa menina"
Aquela de olhar doce e rostinho angelical
Mas eu não sou mais criança, só você não percebeu.

Sou capaz de sentir rancores
E não gosto de ser subjugada
Não duvide das minhas capacidades
Eu sou humana e sei ferir se me
sentir ameaçada.

A cera dessa boneca esta tricada
Mas ainda tenho em mim bondade, sim senhor!
Apenas descubra em mim o que há de bom, se assim
lhe convier, por favor!

sábado, 14 de maio de 2011

Você não me verá...


Você não me verá mais chorar
Pois já não choro por coisa pequena
E se lágrimas correr dos meus olhos
Não pense que é por você
Mas sim pela certeza da dúvida que me levou
a pecar quando um dia eu ti quis

Você não me verá mais sorrir a toa
Pois meu sorriso se ri com quem ri comigo
E se um dia você me ver a gargalhadas
Não pense que é porque lembrei de uma piada sua
Porque contigo tudo ficou sem graça

Você não me verá mais fazendo planos
Porque eu perdi o projeto, queimei os desenhos
E se você passar por mim e ver um brilho em meu olhar
Não é porque estou sonhando minha vida ao seu lado
Pois filme repetido não é algo que aprecio.

Por fim você não me verá mais na sua porta
Porque dessa rua ja fiz questão de esquecer
E se um dia eu lembrar prometo que vou pelo caminho mais longo
para o seu não atravessar, nunca mais!

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Minha inspiração


Depois de muito tempo volto a escrever
Por você meu amor
Sei que dói saber que um dia me dividiu
Com outro alguém
Que o destino não fez nos aproximarmos
Em tempo de evitarmos sofrimentos
Mas agora estou aqui
Segure minha mão, não larga não
Vamos juntos caminhar até o fim
Até o céu, até o limite do mar
Vamos nos amar como a primeira vez
Minha e sua
Vamos deixar que esse amor nos embale
Que nos envolva, nos remeta a o mais profundo
Dos sentimentos
Ao seu lado sou forte, tenho coragem
Ao meu lado você é macho sem vaidade
Adoro estar contigo e você diz que sem mim não vive
Então porque pensarmos no passado
Se o nosso presente é o que mais existe?
Sou feliz por voltar a escrever
Sou feliz por te amar
Sou feliz por você!

Amanhecer com você


Acordo lentamente uma sensação boa percorre meu corpo
Olho pela janela já é tarde, o sol vai alto
Do meu lado você respira mansamente, cansado
Das longas horas de amor comigo

Observo como seu peito se mexe devagar, num compasso constante
Minha mão pede pra tocar seu rosto, temo acordá-lo
Meus lábios sorriem quando lembro dos nossos gemidos
Sim, nesse quarto perturbando a paz dos nossos vizinhos
Tremendo a cama, gritando alto pro mundo inteiro ouvir
O quanto nos adoramos

Vendo você assim tão vulnerável, tão menino, tão meu
Calminho, parecendo um anjo, anjo de felicidade
Meu coração fica balançado, meus olhos molhados
O batimento acelerado já na boca
Penso como posso te amar tanto assim?

Toco meu nariz no seu, suas pálpebras tremem
Você abre os olhos e sorri: “oi meu amor”...ganhei meu dia!